Sala de
Imprensa

Fechar
26.05.2016
Dia Nacional de combate ao Glaucoma alerta para a detecção precoce da doença

Doença ainda não tem cura, mas hoje em dia a medicina já consegue controlar o Glaucoma. Clínica popular em BH oferecerá nos dias 23, 24, 25 e 28 de maio exames a baixo custo no projeto Semana do Glaucoma

            Dia 26 de maio é o Dia Nacional de Combate ao Glaucoma. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) o glaucoma, que afeta mais de 900 mil brasileiros, é uma doença crônica que provoca danos no nervo óptico, que carrega as informações visuais recebidas pelo olho até o cérebro, causando comprometimento na visão. Se não for tratado adequadamente, pode levar à cegueira. Existem vários tipos do glaucoma, mas a medicina ainda não compreende totalmente a causa exata para a aparência da doença.

O médico oftalmologista Daniel Sadi, da Uniclínica, clínica popular situada em Venda Nova, alerta para alguns fatores que podem contribuir para o desenvolvimento do glaucoma, como a idade. “Quem já possui idade acima dos 40 anos pode ficar atento para a ocorrência de glaucoma, diz. Histórico familiar de glaucoma também eleva a chance de o indivíduo desenvolver a doença. Quem já foi diagnosticado com diabetes e problemas cardíacos também são propícios a desenvolver a doença.

Sintomas

Os sintomas de glaucoma costumam variar de acordo com o tipo da doença. Alguns casos ocorre perda gradual da visão periférica lateral, também denominada de visão tubular, e, ainda assim, em algumas pessoas é comum não apresentar sintomas até o início da perda da visão. Em outros casos, é comum a ocorrência de dores de cabeça e dor súbita em um olho. No caso da doença congênita, os sintomas costumam ser notados quando a criança ainda tem alguns meses de vida, são comuns: olho vermelho, sensibilidade à luz e lacrimação.

Prevenção | Tratamento

Atualmente ainda não tem como prevenir o glaucoma e nem há cura, porém é possível controlar a doença. Por isso, é de extrema importância o acompanhamento com oftalmologista. O tratamento ideal é aquele que melhor proporciona controle da doença, ou seja, ausência da progressão. Pode ser feito através de colírios, laser ou cirurgias. ‘’Se há suspeita de glaucoma, não espere por sinais visíveis de problemas nos olhos, é melhor a consulta frequente ao médico especialista. O glaucoma de ângulo aberto, por exemplo, dá poucos sinais em seu estágio inicial”, afirma o médico.

Exames oftalmológicos regulares é a principal forma para a detecção do glaucoma. Por isso, nesta semana, nos dias 23, 24, 25 e 28 de maio, a Uniclínica fará a Semana do Glaucoma. Os médicos especialistas farão exames a preços baixos, como Gonioscopia (R$ 30); Consulta + tonometria + fundo de olho (R$ 70).

Uniclínica – Venda Nova

Endereço: Rua das Gabirobas, 84. Bairro Vila Clóris. Belo Horizonte / MG
CEP: 31744-012

Telefone: (31) 3656-4448

Horário de atendimento: Segunda a sábado, de 7h às 19h.

Informações para a imprensa:

Assessoria de Imprensa:

Agenda Comunicação Integrada

Jornalista responsável: Maíra Rolim

Contato: (31) 3021-0204/ 9120-1068

Site: www.agendacomunica.com.br